Como está a saúde integral do seu fígado?

October 25, 2017

 

O fígado é um órgão complexo que tem papel importante na maioria dos processos metabólicos, especialmente a detoxificação. Neutraliza tanto toxinas produzidas internamente quanto aquelas que vêm do meio ambiente. Esse processo enzimático ocorre em duas Fases sendo a Fase I e Fase II.

Uma das funções primárias do fígado é a filtragem do sangue, sendo que 2/4 do sangue passa a cada minuto para a detoxificação, é de extrema importância, pois o sangue que vem do intestino contém índices elevados de bactérias, endotoxinas bacterianas, complexos antígenosanticorpos e

várias outras substâncias tóxicas. Quando o fígado trabalha adequadamente, em torno de 99% desses dejetos são retirados na primeira passagem, porém, quando lesado, a quantidade de toxinas aumenta em dez ou mais vezes.

Torna os compostos tóxicos em compostos menos tóxicos possíveis e também em hidrossolúveis, facilitando também sua excreção renal.

A Fase I transforma substâncias não polares em polares (biotransformação), elimina um grupo sulfúrico e adiciona um grupo oxigênio (dessulfuração) e um grupo halógeno e processos de oxidação e redução. Atua principalmente nas enzimas do Citocromo P-450, sendo o fígado seu maior sítio.

O paciente com baixa depuração desta Fase tem dificuldades em eliminar xenobióticos (substâncias químicas estranhas ao sistema biológico compreendem, compostos de ocorrência natural, drogas, agentes ambientais, carcinógenos, inseticidas etc). Esta Fase é dependente de vitaminas,

minerais e aminoácidos.

Uma das principais vias de eliminação de toxinas modificadas é pela bile. Entretanto, quando a excreção de bile é inibida (colestase), as toxinas ficam no fígado por mais tempo. A colestase pode ter causas importantes, incluindo a obstrução dos ductos biliares e a mais comum é a presença de cálculos biliares.  

Aproximadamente 20% das mulheres e 8% dos homens apresentam cálculos biliares.

A falha na drenagem da bile pode ser causada por vários agentes e condições. Essas condições frequentemente são associadas com alterações de função

hepática TGO, TGP, GGT, (bilirrubinas e fosfatase alcalina), significando dano celular.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Blog

Featured Posts

Como está a saúde integral do seu fígado?

October 25, 2017

1/1
Please reload

Archive
Please reload

Follow Me
  • Grey Facebook Icon
  • Grey Instagram Icon

Rua Fernando Machado, nº 151 E

Sala  403 | Centro - Chapecó - SC Cep.: 89802-112

Tel: (49) 3329.3672

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

© 2017 por equipe de Alcir Marques